O Santo Padre o Papa Francisco nomeou hoje para Bispo de Santarém D. José Augusto Traquina Maria, até agora Bispo Auxiliar de Lisboa. Ao mesmo tempo aceitou a renúncia de D. Manuel Pelino Domingues.

D. José Traquina nasceu em Évora de Alcobaça a 21 de janeiro de 1954. Foi ordenado Presbítero a 30 de junho de 1985, nomeado para Bispo Auxiliar de Lisboa a 17 de abril de 2014 e ordenado Bispo a 1 de julho de 2014.

Mestre em Teologia Pastoral pela Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa, esteve vários anos ligado à preparação dos candidatos ao sacerdócio, tendo feito parte da equipa formadora do Seminário de Almada e do Pré-Seminário de Lisboa.

Foi responsável máximo da Vigararia Cadaval-Bombarral, em três mandatos diferentes (1993, 1996 e 2001), em 2002 integrou o Secretariado de Ação Pastoral do Patriarcado de Lisboa e em 2003 foi nomeado Assistente do Núcleo do Oeste do Corpo Nacional de Escutas e, mais tarde, Cónego da Sé Patriarcal de Lisboa.

Em 2007, assumiu a missão pastoral à frente da comunidade católica de Nossa Senhora do Amparo, em Benfica, freguesia onde se encontra a nova sede da Conferência Episcopal. Em 2011, D. José Augusto Traquina foi designado Vigário da Vara da Vigararia III da cidade de Lisboa, cargo que acumulou com o trabalho de diretor espiritual do Seminário Maior de Cristo Rei do Olivais e com a coordenação do Conselho Presbiteral de Lisboa.
A Conferência Episcopal congratula-se com a nomeação de D. José Traquina para Bispo de Santarém, desejando que prossiga com toda a dedicação pastoral o seu ministério episcopal junto do povo de Deus que lhe é confiado nesta Diocese.