Conferência Episcopal Portuguesa

Igreja Católica em Portugal

Estatutos e decreto do Santuário de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

JMJ 2022 EM PORTUGAL

Nota da CEP

É com grande alegria que a Conferência Episcopal acolhe o anúncio, pelo Papa Francisco, da realização da próxima Jornada Mundial da Juventude em Portugal, que terá lugar em 2022, acontecimento em que a Igreja em Portugal, e de modo particular o Patriarcado de Lisboa, conta com o apoio da Presidência da República e a colaboração das entidades governamentais e autárquicas.

Participando na JMJ no Panamá, D. Manuel Clemente, Cardeal-Patriarca de Lisboa e Presidente da Conferência Episcopal, acaba de afirmar que «é uma excelente notícia e é também uma feliz confirmação de algo que já esperávamos há muito tempo em Portugal, porque as nossas 20 dioceses há muito tempo têm este sonho de ver uma Jornada Mundial da Juventude em Portugal, como será em Lisboa».

A JMJ vai envolver todas as Dioceses do país ao longo dos próximos três anos e meio na sua preparação, constando de encontros de oração, celebração e reflexão, e de inúmeros acontecimentos a nível religioso e cultural. Culminará nos últimos dias com a presença em Lisboa de centenas de milhares de jovens vindos de todo o mundo, em celebrações presididas pelo Santo Padre.

Desejamos que a Jornada Mundial da Juventude em Portugal seja um forte momento de graça para todos os jovens renovarem o dinamismo da sua vocação, respondendo ao convite de Jesus Cristo a serem autênticos discípulos missionários na vida da Igreja e da sociedade.

Lisboa, 27 de janeiro de 2019
Padre Manuel Barbosa, Secretário e Porta-voz da CEP

COMUNICADO DO PATRIARCADO DE LISBOA

SEMANA DO CONSAGRADO 2019

No próximo dia 2 de fevereiro, festa da Apresentação do Senhor, celebra-se em toda a Igreja o 23.º Dia Mundial da Vida Consagrada. Em Portugal e desde 2007, os nossos Bispos decidiram instituir a Semana do Consagrado, de 26 de janeiro a 2 de fevereiro, ampliando assim esta intenção ao longo de vários dias.

Ser consagrado pertence à condição batismal de todos os fiéis. Mas sem se distanciar desta essência, o magistério da Igreja habituou-nos a incluir na designação «vida consagrada» todos os que fazem votos dos conselhos evangélicos de pobreza, castidade e obediência, os membros das ordens e congregações, dos institutos religiosos, das sociedades de vida apostólica e dos institutos seculares.

A propósito do sentido do Dia ou da Semana da Vida Consagrada, vale a pena recordar os três objetivos que São João Paulo II nos deixou em 1997, primeiro ano da sua celebração.

Em primeiro lugar, «responder à íntima necessidade de louvar o Senhor e agradecer-Lhe o grande dom da vida consagrada, que enriquece e alegra a Comunidade cristã com a multiplicidade dos seus carismas e com os frutos de edificação de tantas existências, totalmente doadas à causa do Reino». Trata-se de um singular dom do Espírito que continua a animar e sustentar a Igreja na sua exigente caminhada no mundo, que só pode ser de presença efetiva entre os homens e as mulheres do nosso tempo.

Em segundo lugar, «promover o conhecimento e a estima pela vida consagrada, por parte de todo o povo de Deus». Esta forma de vida está ao serviço da consagração batismal de todos os fiéis e deve ser mais conhecida por todos os membros do povo de Deus.

Finalmente, convida de modo mais explícito as pessoas consagradas a «celebrar em conjunto e solenemente as maravilhas que o Senhor realizou nelas, para descobrir, com um olhar de fé mais lúcido, os raios da divina beleza difundidos pelo Espírito no seu género de vida, e tomar consciência mais viva da sua insubstituível missão na Igreja e no mundo».

Celebrar a Semana do Consagrado é uma oportuna graça para renovar esta forma de existência cristã como consagrados na Igreja: tempo precioso para oração, reflexão e compromisso. Construir «comunidades santas e missionárias”, tema proposto para esta Semana, é um desafio para todos consagrados e comunidades cristãs, um convite a se renovarem na santidade e na missão. Missão que é de sempre e para todos, com mais insistência neste Ano Missionário em Portugal, a culminar em outubro, Mês Missionário extraordinário para toda a Igreja.

Além de outras propostas de oração, meditação e reflexão, e de celebrações nas comunidades religiosas e paroquias, a Semana do Consagrado tem duas celebrações habituais em todas as dioceses: a vigília de oração a 1 de fevereiro e a Missa solene da Apresentação do Senhor a 2 de fevereiro.

Além de outras propostas de oração e reflexão aqui apresentadas, destaco a mensagem de D. António Augusto Azevedo, Presidente da Comissão Episcopal das Vocações e Ministérios, para esta Semana do Consagrado.

P. Manuel Barbosa, Secretário da CEP

DOCUMENTOS

 

JMJ PANAMÁ 2019

Está a decorrer no Panamá, de 22 a 27 de janeiro, as Jornadas Mundiais da Juventude.

De Portugal estão presentes mais de três centenas de jovens e voluntários, alguns sacerdotes e consagrados, e seis bispos, que proferirão catequeses: D. Manuel Clemente, Cardeal Patriarca de Lisboa e Presidente da Conferência Episcopal Portuguesa; D. Joaquim Mendes, Bispo Auxiliar de Lisboa e Presidente da Comissão Episcopal do Laicado e Família (que tem a responsabilidade do Departamento Nacional da Pastoral Juvenil); D. Virgílio Antunes, Bispo de Coimbra; D. José Cordeiro, Bispo de Bragança-Miranda; D. Manuel Felício, Bispo da Guarda; D. Nuno Almeida, Bispo Auxiliar de Braga.

De destacar ainda a presença do Padre Américo Aguiar, Diretor do Secretariado Nacional das Comunicações Sociais, e de dois enviados especiais da Agência Ecclesia (Paulo Rocha e João Gralha).

As Jornadas podem ser acompanhadas em direto nos sites da Ecclesia (agencia.ecclesia.pt) e do Vaticano (www.vatican.va). Aí se encontra igualmente toda a informação e documentação.

No site da CEP colocaremos apenas a documentação produzida ao longo deste acontecimento tão importante na vida da Igreja, na expetativa de que o Papa Francisco anuncie a realização das próximas jornadas de 2022 em Portugal

 

DOCUMENTOS

D. Nuno Brás, Bispo do Funchal

O Papa Francisco nomeou Bispo do Funchal Sua Excelência Reverendíssima D. Nuno Brás da Silva Martins, até agora Bispo titular de Elvas e Auxiliar de Lisboa. [ler +]